A formação inicial de professores de Educação Física alinhada às perspectivas históricas: do estágio à prática pedagógica

Jardielly Alencar Vasconcelos, Neemias Elnatan Serafim, Elialdo Rodrigues de Oliveira

Resumo


O presente artigo busca refletir sobre alguns determinantes no processo histórico da formação inicial dos professores de Educação Física, com o intuito de desvelar os desafios que permeiam a tríade: formação, estágio e prática pedagógica. Por meio do aporte teórico-bibliográfico, estabeleceu-se um debate acerca da formação histórica dos professores, perpassando pela especificidade da Educação Física, seguida de uma descrição das implicações presentes nos caminhos percorridos pelos sujeitos em formação. Abordou-se desde os bancos da faculdade até sua prática reflexiva dentro do ambiente escolar. Pelos aportes teóricos evidenciados, depreende-se que é possível ao docente ainda em início de sua carreira, ressignificar sua ação pedagógica de maneira que o viés racional e técnico da sua formação, não sejam os únicos caminhos de verdade absoluta. Por conseguinte, as etapas de estágio contribuam para essa construção cheia de intencionalidades reflexivas.


Palavras-chave


História da formação; Professores de educação física; Estágio; Prática pedagógica.

Texto completo:

PDF XML

Referências


BARBOSA-RINALDI, Ieda Parra. Formação inicial em Educação Física: uma nova epistemologia da prática docente. Movimento, Porto Alegre, v. 14, n. 03, p. 185-207, setembro/dezembro de 2008. Disponível em: http://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/2431. Acesso em: 23 jan. 2018.

BENITES, Larissa Cerignoni; SOUZA NETO, Samuel; HUNGER, Dagmar. O processo de constituição histórica das diretrizes curriculares na formação de professores de Educação Física. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 34, n. 2, p. 343-360, maio/ago. 2008. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022008000200009. Acesso em: 19 jan. 2018.

BETTI, Mauro. Educação física como prática científica e prática pedagógica: reflexões à luz da filosofia da ciência. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte. São Paulo, v. 19, n. 3, p. 183-97, jul./set. 2005. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/rbefe/article/view/16594. Acesso em: 19 jan. 2018.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: Educação física. Secretaria de Educação Fundamental. Brasília, MEC/SEF, 1988.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei número 9394, 20 de dezembro de 1996.

BRASIL. Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia de Roraima. Plano de Curso de Licenciatura em Educação Física. Boa Vista-RR, 2012. Disponível em: www.ifrr.edu.br. Acesso em: 21 jan. 2018.

BRASIL. Ministério da Educação - Conselho Nacional de Educação. Do parecer no tocante as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial e Continuada dos Profissionais do Magistério da Educação Básica. Parecer normativo, n. 2, de 9 de junho de 2015. Disponível em: http://porteiras.r.unipampa.edu.br/portais/prograd/files/2015/06/Par.-02.2015-DCNs-Forma%C3%A7%C3%A3o-Professores.pdf. Acesso em: 27 fev. 2018

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Básica. Base nacional comum curricular. Brasília-DF, 2016. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/#/site/inicio. Acesso em: 20 jan.2017.

CASTELLANI FILHO, Lino. Educação Física no Brasil: A história que não se conta. 19º edição. Campinas-SP. Papirus, 2013.

DARIDO, Suraya Cristina.; RANGEL, Irene Conceição Andrade. Educação Física na Escola: Implicações Para a Prática Pedagógica. 2008. Ganabara Koognan.

FONTANA, Roseli Aparecida Cação; GUEDES-PINTO, Ana Lúcia. Desatando os nós da formação docente – trabalho escolar e produção do conhecimento. Editora Mediação. Porto Alegre, 2002. p. 5-22.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1974.

GATTI, Bernardete Angelina. Formação de professores no Brasil: características e problemas. Educação Sociedade. Campinas, v. 31. n. 113. p. 1355-1379, out./dez., 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v31n113/16.pdf. Acesso em: 10 fev. 2018.

HAAG, Herbert.; KESKINEN, Kari.; TALBOT, Margaret. Diretório da ciência desportiva – Juiz de Fora: NGIME/UFJF, 2016. 6. ed. Disponível em: http://cev.org.br/arquivo/biblioteca/4037171.pdf. Acesso em: 12 fev. 2018.

LIMA, Elvira Souza. Indagações sobre Currículo: Currículo e desenvolvimento humano - Brasília: Ministério da Educação, Secretária de Educação Básica, 2007.

MOREIRA, Wagner Wey. Educação Física Escolar – Uma abordagem fenomenológica. Editora da Unicamp. Campinas-SP, 1991.

NÓVOA, António. A Formação de professores e profissão docente. In: NÓVOA, A. Os professores e a sua formação. Lisboa: Publicações Don Quixote, 1992. p. 13-33.

OLIVEIRA, Elialdo Rodrigues. Reflexão educativa na reconstrução da dignidade da pessoa humana. In: Reflexões Educacionais a Partir de Novos Talentos. Boa Vista: Editora da UERR, 2012, p. 119-142.

OLIVEIRA, Elialdo Rodrigues de. Introdução. In: UNIVERSIDADE ESTADUAL DE RORAIMA. Projeto Pedagógico do Curso de Filosofia. Boa Vista, RR: Universidade Estadual de Roraima, 2008, p. 4-5.

OLIVEIRA, Elialdo Rodrigues de.; CLEMENTE, Ana Maria.; SOUZA, Ana Hilda Carvalho de. Currículo e Multiculturalismo na Formação de Professores: Pontos Convergentes. In: II Anais do Projeto Novos Talentos CAPES-UERR. Da Ciência à Cidadania. Boa Vista/RR: Editora da UERR, 2013, p. 93-100

PIMENTA, Selma Garrido e LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e docência: diferentes concepções. Revista Poíesis -Volume 3, Números 3 e 4, pp.5-24, 2005/2006. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/poiesis/article/download/10542/7012. Acesso em: 19 fev. 2018.

SAVIANI, Dermeval. Formação de professores no Brasil: dilemas e perspectivas. Poíesis Pedagógica, v. 9, n.1, p. 7-19, jan./jun., 2011. Disponível em: file:///C:/Users/ufrr/Downloads/15667-63261-1-PB.pdf. Acesso em: 13 fev. 2018.

SAVIANI, Dermeval. Formação de professores: aspectos históricos e teóricos do problema no contexto brasileiro. Revista Brasileira de Educação v. 14 n. 40 jan./abr. 2009. pp. 149-155. Disponível em: file:///C:/Users/ufrr/Downloads/v14n40a12.pdf. Acesso em: 17 fev. 2018

SILVA JÚNIOR, et al. Estágio curricular supervisionado na formação de professores em educação física: uma análise da legislação a partir da resolução cfe n° 03/19871. Pensar a Prática, Goiânia, v. 19, n. 1, jan./mar. 2016. Disponível em https://www.revistas.ufg.br/fef/article/viewFile/34854/pdf. Acesso em: 19 de fev. 2018.

TANURI, Leonor Maria. História da formação de professores. Revista Brasileira de Educação, n. 14, p. 61-193, maio/ago., 2000. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbedu/n14/n14a05. Acesso em: 13 fev. 2018.




DOI: https://doi.org/10.22633/rpge.v22i3.11360



Rev. on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1519-9029

DOI prefix: 10.22633/rpge

Licença Creative Commons 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.