Pacto pelo fortalecimento do ensino médio em rondônia: (re) pensando o currículo escolar nos territórios da linguagem

Autores

  • Mirian de Oliveira Bertotti Mestranda do MEPE/UNIR. Docente de Língua Portuguesa no Instituto Federal de Rondônia/ IFRO.
  • Robson Fonseca Simões Docente do Programa de Pós-graduação da Universidade Federal de Rondônia, Mestrado Profissional em Educação Escolar/MEPE. Professor Adjunto da UNIR, Núcleo de Ciências Humanas, Departamento de Ciências da Educação, campus Porto Velho.

DOI:

https://doi.org/10.22633/rpge.v20.n1.2016.9393

Palavras-chave:

Formação docente, Currículo, Língua portuguesa,

Resumo

Este texto é um mergulho inicial. Mira colocar em cena o Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio em Rondônia, PNEM/RO, um programa de formação continuada do governo federal. As reflexões aqui tratadas são um convite para nos aproximarmos de algumas fontes de pesquisa, procurando ampliar a nossa compreensão sobre esta política de Formação continuada nos territórios da Língua Portuguesa. Mas do que trata esta política para o Ensino Médio? Para esta discussão, valemo-nos dos seguintes autores: Pimenta (2002), Sacristán (2000), Garcia (2013) e Candau (2007) que nos ajudam a refletir sobre possibilidades de abordagens pedagógico-curriculares na área de Linguagens. Sem a pretensão de esgotar o debate, este texto considera importante aprofundar as discussões sobre os componentes curriculares nas veredas da língua, considerando o impacto na melhoria de condições de aprender e desenvolver-se dos sujeitos e dos educadores na etapa conclusiva da Educação Básica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

03/12/2016

Como Citar

BERTOTTI, M. de O.; SIMÕES, R. F. Pacto pelo fortalecimento do ensino médio em rondônia: (re) pensando o currículo escolar nos territórios da linguagem. Revista on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, n. 20, p. 70–86, 2016. DOI: 10.22633/rpge.v20.n1.2016.9393. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/rpge/article/view/9393. Acesso em: 19 abr. 2021.

Edição

Seção

Artigos