O uso de objetos de aprendizagem no ensino fundamental: um estudo bibliométrico

Flavia Maria Uehara, Maria Iolanda Monteiro, Daniel Ribeiro Silva Mill, Silvio Henrique Fiscarelli

Resumo


No Brasil, a implementação de ações para a inserção das Tecnologias de Informação e Comunicação no contexto educacional ocorrem já há mais de duas décadas, e a utilização desses recursos tecnológicos é considerada como capaz de auxiliar o trabalho docente e melhorar o processo de aprendizagem. Dentre estes instrumentos, os Objetos de Aprendizagem são recursos com grande potencial para fomentar propostas pedagógicas que valorizem o processo de aprendizagem de crianças por, entre outras razões, agregar elementos de ludicidade ao ensino escolar, elemento essencial quando pensamos no ensino destinado às crianças do ensino fundamental. Embasados na percepção de que os Objetos de Aprendizagem podem potencializar o processo de aprendizagem dos conteúdos curriculares, sentimos a necessidade de pesquisar e analisar como a utilização destes recursos, nesta etapa da educação básica, têm se desenvolvido. Por essa razão, o presente artigo possui o objetivo de realizar um levantamento bibliográfico das teses e dissertações produzidas em Programas de Pós-Graduação no Brasil com objetivo de investigar como a utilização de Objetos de Aprendizagem no contexto escolar, com alunos do ensino fundamental, vem ocorrendo e como está sendo discutida no país. Para tanto, propomos a realização de uma pesquisa baseada na abordagem bibliométrica como um meio de se identificar quais as tendências de uso dos Objetos de Aprendizagem nesta etapa da educação básica e fomentar a construção de conhecimentos teóricos sobre a temática. 

Palavras-chave


Tecnologias da informação e comunicação. Objeto de aprendizagem. Ensino fundamental.

Texto completo:

PDF

Referências


ALONSO, K. M. Tecnologias da informação e comunicação e formação de professores: sobre rede e escolas. Educação & Sociedade, v. 29, n. 104, p. 747-768, 2008.

ALVES, L; BIANCHIN, M. A. O jogo como recurso de aprendizagem. Rev. psicopedag., São Paulo, v. 27, n. 83, p. 282-287, 2010. Disponível em: . Acesso em: 02 abr. 2016.

AUDINO, D. F.; NASCIMENTO, R. S.; Objetos de aprendizagem: diálogos entre conceitos e uma nova proposição aplicada à educação. Revista Contemporânea de Educação, 128 – 148, vol. 5, n. 10 , jul/dez 2010.

BRASIL. Diretrizes curriculares nacionais gerais da educação básica. Brasília: MEC, SEB, DICEI, 2013. Disponível em: Acesso em: 28 jun. 2014.

BRITISH EDUCATIONAL COMMUNICATIONS AND TECHNOLOGY AGENCY - BECTA. Learning in the 21st century. Coventry, Becta. Disponível em: < ttp://www.e-learningcentre.co.uk/Resource/CMS/Assets/5c10130e-6a9f-102c-a0be-003005bbceb4/form_uploads/review_early_years_foundation.pdf>. Acessado em: 12 de mar. 2012.

FISCARELLI, R. B. O.; FISCARELLI, S. H. Tecnologia na educação: dos objetos reais aos objetos virtuais. In: Sueli Aparecida Itman Monteiro; Ricardi Ribeiro; Sebastião de Souza Lemes; Luci Regina Muzzeti. (Org.). Educações na Contemporaneidade: reflexões e pesquisa (E-book). São Carlos - SP: Pedro & João Editores, 2011, p. 177-194.

FISCARELLI, S. H.; UEHARA, F. M. Objetos de Aprendizagem: Perspectivas e Desafios para a Inclusão da Tecnologias de Informação e Comunicação na Prática Docente. In: María Cristina Miranda-Álvarez; Rubén Edel-Navarro. (org.). Educación, tecnología e innovación: la tríada indisoluble. 1ed.Veracruz, México: Universidad Veracruzana, p. 48-54, 2016.

GRÉGOIRE, R., BRACEWELL, R.; LAFERRIÈRE, T. The contribution of new technologies to learning and teaching in elementary and secondary schools: Documentary Review. Laval University and McGill University, 1996.

JOSGRILBERG, F.B. O mundo da vida e as tecnologias de informação e comunicação na educação. 2006. 287 p. Tese (doutorado) – Escola de Comunicação e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo.

RAMBOLL, Management. E-learning Nordic 2006. Impact of ICT on education. Copenhagen: Ramboll Management, 2006

SANT’ANNA. F. M. Microensino e habilidades técnicas do professor. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil, 1979.

WILEY, David A. Connecting learning objects to instructional design theory: a definition, a metaphor, and a taxonomy. In: D. A. Wiley (ed.). The instructional use of learning objects. Bloomington: AECT, 2002. Disponível em: . Acesso em: 27 mar. 2016.




DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v12.n.esp.2.10308



Direitos autorais 2017 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.