Percursos formativos de gestores escolares: grupo de referência

Renata Nascente

Resumo


O objetivo deste artigo é apresentar e discutir o percurso formativo trilhado por um grupo de educadores no contexto de uma formação oferecida pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo – SEE/SP por meio dos Grupos de Referência – GR a diretores de escola, supervisores de ensino e professores coordenadores de escolas de ensinos fundamental e médio, em um período de dois anos e meio, de julho de 2011 a outubro de 2013. Essa problematização dividiu-se em dois questionamentos: como se caracterizaram os percursos formativos dos gestores escolares participantes do GR investigado? Houve algum tipo de articulação entre essa formação específica e suas respectivas práticas educacionais? Esses questionamentos foram tematizados com base em dois princípios fundamentais da gestão democrática da educação e da escola: a autonomia e a participação. Na primeira parte do artigo, caracterizamos a formação em estudo e apresentamos nossa metodologia de pesquisa. Na seguinte, que compreende três etapas da formação em estudo, 2011, 2012 e 2013, descrevemos e problematizamos os percursos formativos dos gestores participantes. Na terceira, analisamos e discutimos a formação dos gestores no GR à luz de nossos referenciais teóricos. Nas considerações finais explicitamos nossas perspectivas em relação a essa formação com foco nas possíveis articulações entre teorias e práticas e no desenvolvimento das concepções de autonomia e participação dos gestores que dela participaram.

Palavras-chave


Grupo de Referência; Formação de Educadores; Gestão Democrática

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22633/rpge.v0i18.9373



Rev. on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1519-9029

DOI prefix: 10.22633/rpge

Licença Creative Commons 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.