Desafios políticos, econômicos e sociais para os docentes na América Latina

Fabiano Antonio dos Santos, João Batista Zanardini, Hellen Jaqueline Marques

Resumo


O objetivo deste artigo é estabelecer um panorama sobre alguns dos desafios que se colocam frente à condição de docente na América Latina, em especial no Brasil. Tais desafios são constituídos de aspectos econômicos, políticos e sociais, muito embora não se dissociem, pois há entre eles uma relação dialética. Os desafios que os docentes enfrentam para a realização da educação nos diferentes contextos abrangem temas diversos, tais como: formação inicial de professores, carreira docente, qualidade da educação, avaliação em larga escala e participação político-sindical. Cada um desses, em sua especificidade e interdependência, provoca determinadas reações, tanto no aspecto das proposições oficiais, quanto nas formas de enfrentamento por parte dos docentes.

Palavras-chave


Carreira docente; Democracia; Estado; Política educacional; Trabalho educativo.

Texto completo:

PDF/A PDF/A (English)

Referências


ANTUNES, Ricardo. Riqueza e miséria do trabalho no Brasil. São Paulo: Boitempo,

ANTUNES, Ricardo. Privilégio da servidão: o novo proletariado de serviços na era digital. São Paulo, SP. Boitempo, 2018.

ARAÚJO, Vera Maria Carneiro.; OLIVEIRA Roberto Veras de. O Sindicalismo na era Lula: entre paradoxos e novas perspectivas. Coleção Trabalho e Desigualdade. Belo Horizonte, MG: Fino Traço Editora, 2014. Disponível em: Acesso em: 01 de abril de 2020.

ARISTÓTELES. Aristóteles: Vida e Obra. São Paulo – SP: Editora Nova Cultural Ltda, 1999.

BACZINSKI, Alexandra Vanessa de Moura.; COMAR, Sueli Ribeiro. Gestão Escolar democrática e a pedagogia histórico-crítica: contradições, limites e possibilidades. Revista on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, v.20, n.2, p. 145-165, 2016. Disponível em: . Acesso em: 13 de maio de 2020. ISSN: 1519-9029.

BANCO MUNDIAL. Professores Excelentes: Como melhorar a aprendizagem dos

estudantes na América Latina e no Caribe, 2014.

CHESNAIS, François. A globalização e o curso do capitalismo de fim-de-século. Economia e Sociedade. Campinas-SP, v. 5, n. 1, p. 1-30, dez. 1995.

DRUCK, Graça. Os Sindicatos, os Movimentos Sociais e o Governo Lula: cooptação e resistência. OSAL, Observatorio Social de América Latina, año VI, no. 19. CLACSO, Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales, Buenos Aires, Argentina: Argentina. Ano VII nº 19. Pgs 329-340, Julho de 2006. Disponível em: Acesso em: 12 de outubro de 2018.

ELACQUA, Gregory; HINCAPIÉ, Diana; VEGAS, Emiliana; e ALFONSO, Mariana. Profissão professor na América Latina: Por que a docência perdeu prestígio e como recuperá-lo? Washington, D.C.: Banco Interamericano de Desenvolvimento, 2018. Disponível em: Acesso em: 13 de maio de 2020.

EVANGELISTA, Olinda. Apontamentos para o trabalho com documentos de política educacional. 2009. Roteiro de trabalho do mini-curso oferecido durante a 31ª Reunião Anual da Anped, GT 15 de Educação Especial, 19-22 de outubro de 2008, Caxambu: ANPED, 2012. Disponível em: http://www.dfe.uem.br/textoOlinda.pdf. Acesso em 12 de maio de 2020.

FONTES, Virgínia. Capitalismo em tempos de uberização: do emprego ao trabalho. Marx e o marxismo. Niterói-RJ, v. 5, n. 8, p. 45-67, 2017. E-ISSN: 2318-9657

GINDIN, Julián. Os estudos sobre sindicalismo docente na América Latina e no Brasil. Associativismo e sindicalismo docente no Brasil. Seminário para a discussão de pesquisas e constituição de redes de pesquisadores. Rio de Janeiro, 2009. Disponível em: http://redeaste.irice-conicet.gov.ar/sites/defaut/files/Gindin.pdf. Acesso em 12 de maio de 2020.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do Cárcere. Vol 5 - O risorgimento. Notas sobre a história da Itália. Civilização brasileira. Rio de Janeiro, 2002.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do Cárcere, volume 2, 5. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2010.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do Cárcere, volume 3, 4. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.

HAYEK, Friedrich August. O caminho da Servidão. São Paulo-SP: Instituto

Ludwig von Mises Brasil, 2010.

IZUNZA, Jorge; CAMPOS, Javier. El SIMCE en Chile: historia, problematización y resistencia. In. XI Seminario Internacional de la Red Estrado. Ciudad de México-México, 2016.

OLIVEIRA. Dalila Andrade. O trabalho docente na América Latina: Identidade e profissionalização. Revista Retratos da Escola, Brasília, v. 2, n. 2-3, p. 29-39, jan./dez. 2008. Disponível em: . Acesso em: 12 de maio de 2020.

SALAZAR, Omar Cabrales. Los nuevos modelos de gestión en las universidades y en el trabajo docente en Colombia. Revista on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, v. 22, n. esp.1, p. 193-208, mar., 2018. E-ISSN:1519-9029.

SANTOS, Fabiano Antonio dos. O Plano de Desenvolvimento da Escola e a produção do consentimento ativo. 2012. Tese (Doutorado em Educação). Centro de Ciências da Educação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2012.

SANTOS, Fernando Silva dos. As universidades federais e a estratégia Democrático popular: Heteronomia a serviço do capital (2003-2010) / Fernando Silva dos Santos ; orientadora, Olinda Evangelista, 2020. 235 p. Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação, Programa de Pós Graduação em Educação, Florianópolis, 2020.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia Histórico-Crítica: primeiras aproximações. Campinas, SP: Autores Associados, 2013.

SEKI, Allan Kenji; SOUZA, Artur Gomes; GOMES, Filipe Anselmo; EVANGELISTA, Olinda. Professor temporário: um passageiro permanente na Educação Básica brasileira. Revista Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 12, n. 3, p. 942-959, 2017. E-ISSN: 1809-4309.

SOARES, José de Lima. As centrais sindicais e o fenômeno do transformismo no governo Lula. Sociedade e Estado. vol 28, n 3, pgs 541 - 564. Brasília, set/dez, 2013.

UNESCO. Antecedentes y Criterios para la Elaboración de Políticas Docentes em América Latina y el Caribe. Santiago, 2013.

WOOD, Ellen Meiksins. Democracia contra Capitalismo: A renovação do materialismo histórico. São Paulo: Boitempo, 2006.




DOI: https://doi.org/10.22633/rpge.v24iesp1.13781



Rev. on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1519-9029

DOI prefix: 10.22633/rpge

Licença Creative Commons 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.