Leitura e ação docente na perspectiva da pedagogia histórico-crítica

Autores

  • Rosangela Miola Galvão de Oliveira UEL - Universidade Estadual de Londrina. Londrina – PR
  • Sandra Aparecida Pires Franco UEL - Universidade Estadual de Londrina. Londrina – PR
  • Elza Tie Fujita UEL - Universidade Estadual de Londrina. Londrina – PR

DOI:

https://doi.org/10.21723/RIAEE.v11.n2.p667

Palavras-chave:

Leitura. Ação docente. Pedagogia Histórico-Crítica.

Resumo

O artigo apresenta a investigação acerca do contexto de leitura dos alunos de uma instituição de ensino pública do Estado do Paraná. Para tanto, foram aplicados diferentes instrumentos de geração de dados para propor posteriormente um projeto de intervenção em leitura. Utilizou-se como instrumentos de coleta os Índices de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), a produção escrita dos alunos, entrevista com a equipe pedagógica e questionário socioeconômico. Tendo como parâmetro o conceito de totalidade para a compreensão das dificuldades dos estudantes optou-se pela Pedagogia Histórico-Crítica como base teórica para a produção dos dados. O estudo serve como justificativa para a implantação de Projeto de Intervenção em leitura e baseia-se nos resultados da análise que indicam uma carência de leitura dos discentes advindas do contexto escolar no qual estão imersos.

Biografia do Autor

Rosangela Miola Galvão de Oliveira, UEL - Universidade Estadual de Londrina. Londrina – PR

Mestre em Educação. Gestora de instituição de ensino fundamental e médio pública.

Sandra Aparecida Pires Franco, UEL - Universidade Estadual de Londrina. Londrina – PR

Professora Doutora do Programa de doutorado e mestrado da Universidade estadual de londrina - UEL. Professora de didática do curso de graduação em Pedagogia da UEL.

Elza Tie Fujita, UEL - Universidade Estadual de Londrina. Londrina – PR

Mestranda em Educação. UEL - Universidade Estadual de Londrina.

Downloads

Publicado

06/07/2016

Como Citar

OLIVEIRA, R. M. G. de; FRANCO, S. A. P.; FUJITA, E. T. Leitura e ação docente na perspectiva da pedagogia histórico-crítica. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 11, n. 2, p. 667–677, 2016. DOI: 10.21723/RIAEE.v11.n2.p667. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/8575. Acesso em: 25 fev. 2021.

Edição

Seção

Artigos