Interdisciplinaridade no âmbito do ensino superior

Da graduação à pós-graduação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v17iesp.1.15644

Palavras-chave:

Abordagem metodológica. Disciplinas. Integração de saberes.

Resumo

A interdisciplinaridade tende a apresentar contextos acadêmicos de pesquisa e produção científica com mais acurácia. O objetivo desse trabalho foi analisar a aplicação dela no ensino superior, desde a graduação até a pós-graduação. Para obter resposta ao questionamento norteador do trabalho, fez-se, em primeiro plano, uma busca sobre a gênese e o conceito da palavra em tela. Em seguida, verificou-se o contexto histórico da evolução em empregabilidade dela, nas instituições de ensino superior, no exterior e no Brasil. Após análise desses aspectos, verificou-se que ainda há barreiras que impedem a aplicação da interdisciplinaridade no contexto do curso superior, pois os conceitos descritos carecem de maiores discussões no âmbito docente e discente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antônio Pereira Júnior, Universidade do Estado do Pará (UEPA), Belém, PA – Brasil

Doutorando no Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais da UEPA.

Carlos José Capela Bispo, Universidade do Estado do Pará (UEPA), Belém, PA – Brasil

Doutorando no Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais da UEPA.

Altem Nascimento Pontes, Universidade do Estado do Pará (UEPA), Belém, PA – Brasil

Docente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais da UEPA. Doutorado em Física pela Universidade Estadual de Campinas.

Referências

ANDRADE, E. P. Interdisciplinaridade e educação: sua importância, desafios e possibilidade de ensino. Centro Universitario Leonardo da Vinci, 2016.

ANDRÉ, Y. V. et al. La interdisciplinariedad en la formación del Licenciado en Cultura Física: su historia y tendencias. Revista Podium, v. 16, n. 1, p. 291-307, 2021

ANGELO, M. F.; BERTONI, F. C. Análise da aplicação do método PBL no processo de ensino e aprendizagem em um curso de engenharia de computação. Revista de Estudos de Engenharia, v. 30, n. 7, p, 35-42, 2011.

AWAD, N. A.; SALMAN, E.; BARAK, M. Integrating teachers to teach an interdisciplinary STEM-focused Program about, sound, waves, and communication systems. European Journal of STEM Education, v. 4, n. 1, p. 1-12, 2019.

BAMMER, G. Should we discipline interdisciplinarity? Palgrave communication, n. 30, p. 1-4. 2017.

BAPTISTA, B. V. Un “espacio interdisciplinario” em la universidad de La República (Uruguay): desafíos y retos de institucionalizar la interdisciplina. In: CORTÉS, E. B.; SOTO, J. C. V. (Coord.) El quehacer de la universidad ante los problemas complejos: la propuesta interdisciplinaria. México: Universidad Autónoma de Querátaro. 2016, p. 13-24.

BRASIL. Lei n.º 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial [da] União: Seção 1, Brasília, DF, p. 27833, 23 dez. 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9394compilado.htm. Acesso em: 03 set 2021.

BRASIL. Decreto n.º 6.096, de 24 de abril de 2007. Institui o Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais – REUNI. Diário Oficial [da] União: Seção 1, Brasília, DF, p. 7, 25 abr. 2007. Disponivel em: https://legislacao.presidencia.gov.br/atos/?tipo=DEC&numero=6096&ano=2007&ato=eadoXWE9ENRpWTafd. Acesso em: 03 set. 2021.

CAPES. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Documento de área – Área 45: interdisciplinar. Brasília: Ministério da Educação, 2019. Disponível em: https://www.gov.br/capes/pt-br/centrais-de-conteudo/INTERDISCIPLINAR.pdf. Acesso em: 18 set. 2021.

CARR, G. et al. Emerging outcomes from a cross-disciplinary doctoral programmes on water resource systems. Water Policy, n. 19, p. 463-478, 2017.

CARVALHO, O. F.; SANTOS, J. L. A proposta pedagógica de Educação do Campo no estado de Pernambuco: diálogo entre Educação do Campo, currículo integrado e interdisciplinaridade. Revista Brasileira de Educação do Campo, v. 6, p. 1-27, 2021.

CASTRO, A. M. D. A.; PEREIRA, R. L. Universidade flexível: nova tendência para as universidades federais brasileiras. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 14, p. 1638-1654, 2019.

CASTRO, H. U. Disciplinas, interdisciplina Y universidad. In: CASTRO, H. U et al. Interdisciplinaridad: un desafío para transformar la universidad en el siglo XXI. Cali: Universidad Autónoma de Occidente, 2017. cap. 1, p. 9-15.

CEZARINO, L. O.; CORRÊA, H. L. Mensuração da interdisciplinaridade nos curso de graduação em Administração. Avaliação, v. 24, n. 1, p. 174-188, 2019.

CHILLÓN, N. T. et al. La interdisciplinariedad en el contexto universitario. Panorama, Cuba y Salud, v. 14, n. 1, p. 50-61, 2019.

CONEGLIAN, C. S.; VALENTIM, M. L. O.; SANTAREM SEGUNDO, J. E. Multi e interdisciplinaridade entre a Ciência da Informação e a Ciência da Computação no âmbito da Web Semântica. Informação & Sociedade, v. 31, n. 1, p. 1-18, 2021.

CÓRDOVA, P. R.; BAADE, J. H.; SANTOS, A. M. Problem-Based Learning (PBL) e interdisciplinaridade no ensino-aprendizagem de engenharia de software. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 15, n. 4, p. 2078-2093, 2020.

DÁNTINO, M. E. F.; SEABRA, A. G. Interdisciplinaridade na educação: perspectivas teóricas e exemplo do Programa de Pós-Graduação em Distúrbios do Desenvolvimento. In: ORSATI, F. T. et al. (org.) Transdisciplinaridade e Interdisciplinaridade na Educação. São Paulo: EDICON, 2020. cap. 1, p. 25-38.

DUCH, B. J.; GROH, S. E.; ALLEN, D. E. (Eds.). The power of Problem-Based learning. Sterling: Stylus Publishing, 2001.

FAZENDA, I. C. A. Algumas considerações práticas sobre interdisciplinaridade. In: JANTSCH, A.; BIANCHETTI, L (org.). Interdisciplinaridade: para além da filosofia do sujeito. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995.

FAZENDA, I. C. A. Interdisciplinaridade: história, teoria e pesquisa. 4. ed. Campinas, SP: Papyrus, 1999.

GALEMMÍ-PÉREZ, A.; CHAVEZ-MEDINA, V. Current and future challenges in interdisciplinary Ph.D. educations as perceived by students. Communications Physics, v.4, n. 6, p. 1-5, 2021.

GANTOGTONKH, O.; QUINLAND, K. M. Challenges of desiginin interdisciplinary postgraduate curricula: case studies of interdisciplinary master’s programmes at a research-intensive UK university. Teaching in higher educations, v. 22, n. 5, p. 569-586, 2017.

GARCIA, T. R. G.; OCA, F. D. M. La interdisciplinariedad: un reto para la universidad actual. Revista Cultural de Tecnología de la Salud, v.8, n. 1, p. 53-58, 2017.

GIL, C. A. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

GUTIERREZ, D.M. D.; MARTINS, R. C.; PIMENTEL, A. S. G. Diálogo, triangulação e interdisciplinaridade: vias para integração metodológica entre pesquisas qualitativas e quantitativas. Revista Educação, Sociedade e Meio Ambiente, v. 25, n. 2, p. 418-437, 2020.

HERBERLEIN, T. A. Improving interdisciplinary research: integrating the Social Science and Natural Science. Society and Natural Resources, v. 1, p. 5-16, 1998.

JORGE, E. M.; PONTES, R. N. A interdisciplinaridade e o Serviço Social: estudo das relações entre profissionais. Textos & Contextos, v. 16, n. 1, p. 175-187, 2017.

KARPPINEN, S.; KALLUNKI, V.; KOMULAINEN, K. Interdisciplinary craft designing and invention pedagogy in teacher education: student teachers creating smart textiles. International Journal of Technology and Design Education, n. 29, p. 576-74, 2019.

KEYNEJAD, R C.; YAPA, H. M.; GANGULI, P. Achieving the sustainable development goals: investing in early career interdisciplinarity. Humanities & Social Sciences Communications, v. 8, n. 153, 1-5, 2021.

LANÇA, T. A.; AMARAL, R. M.; GRACIOSO, L. S. Multi e interdisciplinaridade nos programas de pós-graduação em Ciência da Informação brasileiros. Perspectiva em Ciência da Informação, v. 23, n. 4, p. 150-183, 2018.

LIMA, M. J. S. Filosofia e interdisciplinaridade. Pro-posições, v. 28, n. 1, p. 125-140, 2017.

MACÊDO, M. A. et al. Interdisciplinaridade e programas de pós-graduação no Brasil. Educação em Revista, n. 35, p. 1-25, 2019.

MACLEOD, M. What makes interdisciplinarity difficult? Some consequences of domain specificity in interdisciplinary practice. Synthese, n. 195, p. 607-720. 2018.

MEC. Ministério da Educação e Cultura. Censo da educação superior mostra aumento de matrículas no ensino a distância. Brasília, DF: MEC, 2020. Disponível em: https://www.gov.br/pt-br/noticias/educacao-e-pesquisa/2020/10/censo-da-educacao-superior-mostra-aumento-de-matriculas-no-ensino-a-distancia. Acesso em: 17 dez. 2021.

MEDEIROS, E. A.; DIAS, A. M. D.; THERRIEN, J. Licenciaturas (interdisciplinares) em Educação do Campo: estudo sobre sua expansão no Brasil. Educação em Revista, v. 37, p. 1-23, 2021.

MEDINA, P.; PEREIRA, M. L. M. L.; PAIVA, J. E. F. Estudo da ciência da educação fundamental na interdisciplinaridade por Olga Pombo: um estudo de revisão. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 14, n. 4, p. 2287-2300, 2019.

MELO, W. A. C. R. A. Interdisciplinaridade: a trajetória histórica de um conceito. In: ENCONTRO REGIONAL NORDESTE DE HISTÓRIA ORAL, 10., 2015. Salvador. Anais [...]. Salvador, BA, 2015. 18 p. Disponivel em: https://www.nordeste2015.historiaoral.org.br/site/anaiscomplementares#W. Acesso em: 18 set. 2021.

MOUSINHO, S. H. A interdisciplinaridade ao alcance de todos. Revistas Educação Pública, 2018. Disponível em: https://educacaopublica.cecierj.edu.br/artigos/18/12/a-interdisciplinaridade-ao-alcance-de-todos. Acesso em: 02 set. 2021.

NERY, D. P. A escola dos Annales: a revolução francesa da historiografia. 2021. Disponível em: https://jus.com.br/artigos/89809/a-escola-dos-annales-a-revolucao-francesa-da-historiografia. Acesso em: 18 set. 2021.

NICOLETTI. F. N. La interdisciplinaridad: una aproximación desde la comunicación popular, comunitaria y alternativa. Razón y Palabra, v. 23, n. 105, p. 190-2011, 2019.

OKAMURA, K. Interdisciplinarity revisited: evidence for research impact and dynamism. Palgrave communications, n. 5, p. 141, p. 1-9, 2019.

OLIVEIRA, L. M. S. R.; MOREIRA, M. B. Da disciplinaridade para a interdisciplinaridade: um caminho a ser percorrido pela academia. REVASF, v.7, n. 12, p. 06-20, 2017.

PAMMER-SCHINDLER, V. et al. Interdisciplinary doctoral training in technology-enhanced learning in Europe. Frontiers in Education, v. 5, p. 1- 12, 2020.

PAVANELO, E.; GERMANO, J. S. E.; FREITAS-LEMOS, P. L. A interdisciplinaridade em cursos de engenharia. Revista Docência Do Ensino Superior, v.7, n. 2, p. 130-148, 2017.

PEREIRA, A. S. et al. Metodologia da pesquisa científica. Santa Maria: UAB/NTE/UFSM, 2018.

PEREIRA, E. Q.; NASCIMENTO, E. P. A interdisciplinaridade nas universidades brasileiras: trajetória e desafios. Redes, v. 21, n. 1, p. 209-232, 2016.

PHILIPPI JÚNIOR, A. et al. Uma visão atual e futura da interdisciplinaridade em C & T ambiental. In: PHILIPPI JÚNIOR, A. et al. (Eds.) Interdisciplinaridade em Ciências Ambientais. São Paulo: Signus, 2000.

POMBO, O. Epistemologia da interdisciplinaridade. Revista Iedação, v. 10, n. 1, p. 9-40, 2008.

RIOS, D. R. S.; SOUSA, D. A. B.; CAPUTO, M. C. Diálogos interprofissionais e interdisciplinares na prática extensionista: o caminho para a inserção do conceito ampliado de saúde na formação acadêmica. Interface, n. 23, p. 1-20, 2019.

RODRIGUEZ, C.A. H. Universidad e interdisciplina. In: CASTRO. H. U.; RODRIGUEZ, C. A. H.; ZIMMERMAN, E. L. Interdisciplinaridad: un desafío para transformar la universidad en el siglo XXI. Cali: Universidade Autónoma de Occidente. 2017. p. 23-46.

SÁ, C. M. ‘Interdisciplinarity strategies’ in U. S. research universities. High Education, n.º 55, p. 537-552, 2008.

SANT ANA, W. P.; LEMOS, G. C. Metodologia científica: a pessoa qualitativa nas visões de Lüdke e André. Revista Eletrônica Científica Ensino Interdisciplinar, v.4, p. 12, p. 531-541, 2018.

SANTOS, J, C. R. et al. Metodologias ativas e interdisciplinaridade na formação do nutricionista. Semina: Ciências Sociais e Humanas, v. 38, n. 1, p. 117-128, 2017.

SATOLO, V. P. X. et al. Um panorama histórico-conceitual da pesquisa interdisciplinar: uma análise a partir da pós-graduação da área interdisciplinar. Educação em Revista, v. 35, p. 1-25, 2019.

SÁUL, T. S.; MUNENCHEN, C. Licenciaturas em Educação do Campo nas Ciências da Natureza: um olhar para suas especificidades. Educação em Revista, v. 36, p. 1-22, 2020.

SHU, F. Does interdisciplinary integration affect LIS doctoral student’s publishing productivity and quality in North America? Journal of education for Library and Information Science, v. 59, n. 3, 2018.

SUZANO JÚNIOR, B. F. Os Annales e a interdisciplinaridade: um balanço da historiografia polemista brasileira. Antítese, v.12, n. 23, p. 773-796, 2019.

TRIPP, B.; SHORTLIDGE, E. E. A framework to guide undergraduate education in interdisciplinary science. Life Science Education, n. 18, 2019.

VASEN, F.; VIENNI, B; La institucionalización de la interdisciplina em la universidad latinoamericana: experiencias y lecciones de Uruguay y Argentina. Avaliação, v. 22, n. 2, p. 544-565, 2017.

VILELA, M. V. F. Reflexões sobre o histórico e caminhos da interdisciplinaridade na educação superior no Brasil. Journal Health NPEPS, v. 4, n. 1, p. 6-15, 2019.

WALLACE, R. L.; CLARCK, S. G. Barriers to interdisciplinarity in Environmental Studies: a case of alarming trends in faculty and programmatic wellbeing. Issues in interdisciplinary studies, n. 35, p. 221-247. 2017. Disponível em: https://environment.yale.edu/profile/clark/pubs. Acesso em 03 set. 2021.

WHITE, D.; DELANEY, S. Full steam ahead, but who has the map for integration? A PRISMA Systematic review on the incorporation of interdisciplinary learning into schools. LUMAT, v. 9, n. 2, p. 09-32, 2021.

YOU, H. S.; DELGADO, C.; DEATLET, K. Expert’s model-based reasoning and interdisciplinary understanding of Carbon Cycle. International Journal of Research in Education and Science, v. 7, n. 2, p. 562-579, 2021.

ZHININ, G. L. V. et al. Interdisciplinaridad en la formación universitaria: una contribución para la malla curricular en Ecuador. Com Lecturas: Educación Física y Deportes. Efdeportes, 2019. Disponível em: https://www.efdeportes.com/efdeportes/index.php/EFDeportes/article/view/1295/718. Acesso em 14 set. 2021.

ZOWADA, C. et al. Phosphate recovery as a topic for practical and interdisciplinary chemistry learning. Chemical Education, v. 96, n. 12, p. 2952-2958, 2019.

Publicado

01/03/2022

Como Citar

JÚNIOR, A. P.; BISPO, C. J. C.; PONTES, A. N. Interdisciplinaridade no âmbito do ensino superior: Da graduação à pós-graduação. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 17, n. esp.1, p. 0751–0767, 2022. DOI: 10.21723/riaee.v17iesp.1.15644. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/15644. Acesso em: 27 nov. 2022.