O trabalho pedagógico para alunos público-alvo da educação especial: investigando a inclusão na educação infantil

Tamiris Aparecida Fachinetti, Beatriz A. Barboza do Nascimento, Claudia Regina Mosca Giroto

Resumo


A atuação do professor da Educação Infantil com alunos público-alvo da Educação Especial tem assumido relevância no contexto educacional inclusivo, uma vez que a mediação desse professor, bem como a adoção de metodologias compatíveis com tal perspectiva, nessa etapa educacional, é preponderante para a garantia de acesso, permanência e participação desses alunos na escola, desde o início de seu processo de escolarização. Subsidiado por tais ideias, o presente trabalho teve por objetivo investigar como se dá o trabalho pedagógico desse professor, em classe regular, na Educação Infantil, para alunos público-alvo da Educação Especial, com vistas à apropriação do currículo, por parte desse público. Foram realizadas observações em salas de aula de quatro professoras que atuavam em classes de educação infantil, que contavam com alunos público-alvo da Educação Especial matriculados, de quatro escolas de dois municípios do interior paulista. Os resultados desse estudo demonstraram de que forma esses alunos foram incluídos nas atividades desenvolvidas e de que modo as professoras utilizavam sua prática docente para atender a todos os alunos e, particularmente, aos que se encontravam caracterizados como público-alvo da Educação Especial.

Palavras-chave


Educação infantil; Educação inclusiva; Formação de professores; Trabalho docente; Público-alvo da educação especial.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/riaee.v11.esp2.p861-880



Direitos autorais 2016 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.