Formação em educação especial no brasil: retrospectivae perspectiva contemporânea

Aima Augusta Sampaio de Oliveira, Miguel Cláudio Moriel Chacon

Resumo


Este trabalho discute a política de formação de professores por meio de uma retrospectiva histórica sobre a formação de professores em educação especial no Brasil, apontando as reformulações e tendências formativas ao longo dos anos e as múltiplas influências exercidas por diferentes momentos históricos vividos pelo Curso de Pedagogia, responsável em formar professores para o ciclo 1 do Ensino Fundamental e os especialistas gestores, coordenadores, supervisores e professores de educação especial. Aborda o impacto das Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Pedagogia para a educação especial, descrevendo de forma mais particular o Curso de Pedagogia da UNESP de Marília. Da mesma forma, apresenta as tendências de formação nessa área específica, pontuando algumas diferenças nos diferentes estados brasileiros, debatendo a ausência de uma política de formação em educação especial e os diferentes modelos que se instalam no país. sem uma unificação na proposta de formação.PALAVRAS-CHAVE: Pedagogia. Formação de professores. Educação especial. Inclusão escolar. Modelos de formação.FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL NO BRASIL: RETROSPECTIVAEPERSPECTIVA CONTEMPORÂNEAAima Augusta Sampaio de OLIVEIRA Miguel Cláudio Moriel CHACON2RESUMO: Este trabalho discute a política de formação de professores por meio de uma retrospectiva histórica sobre a formação de professores em educação especial no Brasil, apontando as reformulações e tendências formativas ao longo dos anos e as múltiplas influências exercidas por diferentes momentos históricos vividos pelo Curso de Pedagogia, responsável em formar professores para o ciclo 1 do Ensino Fundamental e os especialistas gestores, coordenadores, supervisores e professores de educação especial. Aborda o impacto das Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Pedagogia para a educação especial, descrevendo de forma mais particular o Curso de Pedagogia da UNESP de Marília. Da mesma forma, apresenta as tendências de formação nessa área específica, pontuando algumas diferenças nos diferentes estados brasileiros, debatendo a ausência de uma política de formação em educação especial e os diferentes modelos que se instalam no país. sem uma unificação na proposta de formação.

Palavras-chave


Pedagogia; Formação de professores; Educação especial; Inclusão escolar; Modelos de formação;

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22633/rpge.v0i14.9341



Rev. on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1519-9029

DOI prefix: 10.22633/rpge

Licença Creative Commons 

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.