Contribuição da extensão para uma docência universitária inovadora: um estudo a partir do programa de ligas da enfermagem da Universidade Estadual vale do Acaraú

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v15iesp2.13835

Palavras-chave:

Extensão universitária, Inovação pedagógica, Docência universitária.

Resumo

Nossos estudos têm demonstrado que, mais do que novas tecnologias da informação/comunicação e metodologias ativas de ensino-aprendizagem, a inovação pedagógica na universidade requer rupturas epistemológicas na construção e na relação com o conhecimento científico. Esse processo passa pela experiência intercultural reinventiva sustentada por uma epistemologia socialmente construída desenhada e corporificada por um currículo includente/inclusivo. A dimensão reiventiva desse processo desafia a docência universitária a cumprir um papel importante de mediação, rupturas e práticas reinventivas nos processos formativos. Para ampliar essa discussão, o presente artigo objetiva apresentar uma análise sobre a contribuição da extensão universitária para docência inovadora a partir de uma pesquisa que realizamos com professoras coordenadoras do Programa de Extensão ligas de enfermagem da Universidade Estadual Vale do Acaraú. Considerando a extensão universitária  um caminho teórico-metodológico de produção de conhecimento por meio da experiência que possibilita a interface dos saberes da cultura acadêmica e das que integram a universidade, essa pesquisa, em sua primeira etapa de análise, identificou que a experiência de extensão contribui para um processo inovador na docência universitária porque estimula a produção do conhecimento com responsabilidade social; desafia a criar estratégias pedagógicas para incluir expectativas, descobertas e experiências dos alunos; dinamiza o planejamento das aulas; exercita e qualifica a escuta e fortalece as incertezas, desafiando, assim, a docência universitária a se reinventar numa condição mediadora para o fortalecimento da interculturalidade e inclusão de saberes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rejane Maria Gomes da Silva, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), Sobral – CE

Professora do Curso de Pedagogia da UVA. Membro do OIIIPE.

Adriana Campani, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), Sobral – CE

Professora do Curso de Pedagogia da UVA. Membro do OIIIPE.

Jaqueline Gomes Negreiros, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), Sobral – CE

Professora do Curso de Geografia da UVA. Membro do OIIIPE.

Referências

AZEVEDO, R.P.; DINI, P.I. Guia para construção de ligas acadêmicas. [Internet]. Assessoria Científica da Direção Executiva Nacional dos Estudantes de Medicina. 2006. Disponível em: http:// www.daab.org.br/texto.asp?registro=157. Acesso: 01.09.2019.

BONDÍA LARROSA, Jorge, Notas sobre a experiência e o saber de experiência. Revista Brasileira de Educação [en linea] 2002, (jan-abr): [Fecha de consulta: 22 de enero de 2018] Disponible en: <http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=27501903> ISSN 1413-2478.

BRASIL, Conselho Nacional de Educação. Diretrizes para Politicas de Extensão da Educação Superior Brasileira- PARECER HOMOLOGADO Portaria n° 1.350, publicada no D.O.U. de 17/12/2018, Seção 1, p. 34.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação (PNE) e dá outras providências. Diário Oficial da União [da] República Federativa do Brasil, Brasília, 2014.

CAMPANI, A.; SILVA, R. M. G.; PARENTE, P. M. M. Inovação Pedagógica na Universidade. Revista Educação e Fronteiras On-Line, v. 8, p. 18-34, 2018.

CUNHA, M. I. Pedagogia Universitária. In: MOROSINI, M. C. (Org). Enciclopédia de Pedagogia Universitária: Glossário. v. 2. Porto Alegre: INEP/RIES, 2006.

CUNHA, M. I. A docência como ação complexa. In: CUNHA, M. I. (org.). Trajetórias e lugares de formação da docência universitária: da perspectiva individual ao espaço institucional. Araraquara, SP: Junqueira & Marin; Brasília: CAPES; CNPq, 2010.

CUNHA, M. I. O professor universitário na transição de paradigmas. 2. ed. Araraquara: Junqueira & Marin editores, 2005.

FREIRE, Paulo. Extensão ou comunicação. 10 ed. Tradução de Rosisca Darcy de Oliveira. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977.

HALL, S. A identidade cultural na pós-modernidade. Tradução Tomás Tadeu da Silva, Guacira Lopes Louro. 11. ed., Rio de Janeiro: DP&A,2001.

IMBERNÓN, F. (org.) A educação do século XXI. Porto Alegre, RS: Artmed, 2000.

LUCARELLI, E. Pedagogia universitária e inovação. In: CUNHA, M, I. (org.) Reflexões e práticas em pedagógica universitária. Campinas: Papirus, 2007, p. 11-26.

MELO, T.S. de; BERRY, M.C.; SOUZA, M.I. Ligas acadêmicas de odontologia: uma revisão de literatura. Revista da ABENO, v.19, n.1, p.10.19,2019. Disponível em: https://revabeno.emnuvens.com.br › revabeno › article › download. Acesso:0109.2019

MOROSINI, M. C. (Org). Enciclopédia de Pedagogia Universitária: Glossário. v. 2. Porto Alegre: INEP/RIES, 2006.

PLANO Organizacional da Universidade Estadual Vale do Acaraú: 2008-2012. Sobral: Edições Universitárias,2008

POPKEWITZ, T. S. Lutando em defesa da alma: a política do ensino e a construção do professor. Trad. Magda França Lopes. Porto Alegre: Artmed Editora Ltda., 2001.

POPKEWITZ, T. Reforma educacional: uma política sociológica poder e conhecimento em educação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

SILVA, R. M. G.; CAMPANI, A.; PARENTE, P. M. M. A extensão universitária como pilar epistemológico da indissociabilidade na universidade. In: Virginia Célia Cavalcante Holanda; Rejane Maria Gomes da Silva. (Org.). A expansão do ensino superior em debate. 1ed.Sobral: Edições UVA, 2018, v. , p. 95-110

SANTOS, B de S. Universidade do século XXI: para uma reforma democrática e emancipatória da universidade. 3.ed. São Paulo: Cortez, 2011.

SANTOS, B. S; ALMEIDA FILHO, N. A Universidade no século XXI: para uma Universidade Nova. Coimbra: Edições Almedina, 2008.

UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO CARAU – UVA. Resolução Nº 27/2018 – CEPE. Dispõe Sobre A Curricularização da Extensão nos Cursos de Graduação da Fundação Universidade Estadual Vale do Acaraú (Uva), Sobral, 2018. Disponível: http://www.uvanet.br/documentos/resolucao_ca4e1e77fe6b72081c9e64cba8bd3386.pdf. Acesso em: 02.09.2019

Publicado

26/06/2020

Como Citar

SILVA, R. M. G. da; CAMPANI, A.; NEGREIROS, J. G. Contribuição da extensão para uma docência universitária inovadora: um estudo a partir do programa de ligas da enfermagem da Universidade Estadual vale do Acaraú. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 15, n. esp2, p. 1615–1628, 2020. DOI: 10.21723/riaee.v15iesp2.13835. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/13835. Acesso em: 2 dez. 2021.