A diversidade sexual permeada pela teoria das representações sociais: uma revisão narrativa

Vanessa Lima Blaudt Rocha, Mary Rangel

Resumo


Este artigo se constitui em uma revisão narrativa e tem como objetivo analisar a questão da diversidade sexual mediada pela teoria das representações sociais. Busca-se traçar o panorama da produção acadêmica alusiva à temática bem como apreender aproximações e singularidades nas investigações dos diferentes autores. A pesquisa da literatura pertinente ao assunto ocorreu na base de dados Scientific Eletronic Library Online (Scielo), no período delimitado entre 2000 e 2015, em artigos produzidos no Brasil. No curso do texto, subsequente à análise descritiva, foi feita a análise integrativa das pesquisas, que demostrou, mormente, representações arraigadas de significações negativas. Destacam-se duas aproximações nos estudos: a problematização do preconceito e da natureza da homossexualidade. Quanto às singularidades, a raridade de investigações no domínio escolar realça-se. Outrossim, os estudos mostraram-se insuficientes e escassos, logo, o aprofundamento das investigações dissemina-se como um caminho fértil para a superação e a desconstrução de práticas impregnadas de intolerância e de repúdio a padrões não hegemônicos.


Palavras-chave


Representações sociais. Diversidade sexual. Educação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21723/RIAEE.v11.n2.p783



Direitos autorais 2016 Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação

 

Rev. Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, SP, Brasil, e-ISSN: 1982-5587

DOI Prefix: 10.21723/riaee

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.