Educação integral no ensino superior: um olhar sobre o aspecto físico

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21723/riaee.v15i1.12168

Palavras-chave:

Educação integral, Desenvolvimento físico, Educação.

Resumo

O presente artigo busca analisar as matrizes curriculares de uma instituição de ensino superior para verificar o aspecto do desenvolvimento físico presente como parte de uma educação integral proposta. Foi feito um levantamento bibliográfico da definição de educação integral, em seguida é apresentada a história da disciplina de educação física no currículo do ensino superior brasileiro. A análise da matriz apontou que a instituição possuía uma disciplina de educação física, que era prática e com diversidade de ambientes, mas após a LDB de 1996 e a ausência da obrigatoriedade dessa disciplina no ensino superior fez com que aos poucos ela fosse sendo substituída na matriz deixando os alunos sem uma disciplina que cuide do desenvolvimento físico de forma prática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Erling Walter Quiaper Simeon, Centro Universitário Adventista de São Paulo – (UNASP)

Graduado em Pedagogia (2011) e Teologia, ambos pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo (2012). Pós-graduado em Aconselhamento Familiar e Educacional (2013), Teologia Bíblica (2015) com MBA em Gestão de EaD e Tutoria Online (2016) e possui Mestrado Profissional em Educação (2018) no UNASP Engenheiro Coelho com pesquisa na área da Educação Integral. Tem experiência com Educação a Distância desde 2014, trabalhando como Tutor, Designer Instrucional, Gerente de Produção de Cursos e Suporte de AVA. Atualmente trabalha como diretor espiritual do UNASP EaD, coordenador do PROAD EAD, professor regente das disciplina de Cosmovisão Bíblico Cristã e Antropologia Cristã e é coordenador da produção das disciplinas religiosas da instituição. Tem experiência na área de Educação, EaD e projetos esportivos.

Helena Brandão Viana, Centro Universitário Adventista de São Paulo – (UNASP)

Helena Brandão Viana concluiu a Graduação em educação fisica pela Universidade Estadual de Campinas em 1989. Cursou mestrado em educação fisica pela UNICAMP, concluido em 2003. Em seu doutorado estudou a temática da sexualidade na velhice, e para isto validou e adaptou culturalmente a escala ASKAS, para utilizacão na cultura brasileira e passou 4 meses na Simon Fraser University, em Vancouver, Canadá, onde cursou a disciplina "programas de promoção de saúde no envelhecimento" e teve como orientador internacional o Prof. Dr. Andrew Wister, diretor do departamento de gerontologia daquela universidade.Foi durante 5 anos coordenadora da da faculdade adventista da terceira idade e por 12 anos coordenadora do projeto feliz idade, de atividades física com idosos. Também foi professora titular no curso de educação física no UNASP-HT. Ministra aulas de metodologia de pesquisa em cursos de pós-graduação no unasp-HT. É professora permanente no mestrado em educação no UNASP-EC. Esteve como pesquisadora visitante na Simon Fraser University, Canada, na faculdade de educação, junto ao programa AGE-WELL, com a qual possui parceria de Pesquisa em dois projetos. Possui tambem uma parceria com a Andrews University nos EUA, para validação do GDI, Inventario para avaliar o crescimento espiritual.

Referências

BORTOLINI, R. W.; NUNES, C. A Paideia Grega: aproximações teóricas sobre o ideal de formação do homem grego. Rev. Filosofia e Educação, Campinas, v.10, n.1, p.21-36, jan./abr. 2018.

BRASIL. Constituição (1937). Constituição de 10 de novembro de 1937. Disponível em http://www2.camara.leg.br/legin/fed/consti/1930-1939/constituicao-35093-10-novembro-1937-532849-publicacaooriginal-15246-pl.html . Acessado em: 15 de nov. de 2017.

BRASIL. LDB (1971). Lei n 5.692, de 11 de agosto de 1971. Disponível em http://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/1970-1979/lei-5692-11-agosto-1971-357752-publicacaooriginal-1-pl.html . Acessado em 15 de nov. de 2017.

BRASIL. MINISTÉRIO DO ESPORTE. DIESPORTE – Caderno 2. Diagnóstico Nacional do Esporte: O Perfil do Sujeito Praticante ou não de Esportes e Atividades Físicas da População Brasileira. Disponível em: http://www.esporte.gov.br/diesporte/7.php . Acessado em 05 de dez. de 2016.

BRASIL. Parecer 376/97, de 11 de junho de 1997. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 11 de junho de 1997. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/1997/pces376_97.pdf Acessado em: 16 out. 2017.

BRASIL. Resolução CNE/CP 2, de 19 de fevereiro de 2002. Conselho Nacional de Educação. Conselho Pleno. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 04 de março de 2002. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/CP022002.pdf. Acessado em 6 nov. de 2017.

CÂMARA, R. H. Análise de conteúdo: da teoria à prática em pesquisas sociais aplicadas às organizações. Revista Interinstitucional de Psicologia, 6 (2); jul – dez, p.179-191, 2013.

CAPRARO, A. M.; SOUZA, M. T. O. Educação física, esportes e corpo: uma viagem pela história [livro eletrônico]. Curitiba: Intersaberes, 2017.

CASTELLANI FILHO, L. Política Educacional e Educação Física. Campinas, SP: Editora Autores Associados, 1998.

CAVALIERE, A. M. V. Educação integral: uma nova identidade para a escola brasileira? Educação Social, vol. 23, n. 81, p.247-270, Campinas, dezembro de 2002. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v23n81/13940.pdf Acessado em 07 de junho de 2018.

GRATIOT-ALFANDÉRY, HÉLÈNE. HENRI WALLON / HÉLÈNE GRATIOT-ALFANDÉRY; tradução e organização: Patrícia Junqueira. – Recife: Fundação Joaquim Nabuco, Editora Massangana, 2010. 134 p.:il. – (Coleção Educadores) Inclui bibliografia. ISBN 978-85-541-8 1. Wallon, Henri, 187901962. 2. Educação – Pensadores – História. I. Junqueira, Patrícia. II. CDU 37

LORENZON, E. A.; JORGE, L. G. A. A ideia de Educação integral em Platão e Rousseau. Revista Perspectiva, Erechim, v.35, n.132, p.7-17, dez/2011.

NASCIMENTO, G. S.; SOUZA, M. E. S. Uma visão holística da educação: da fragmentação à totalidade. Revista Interletras, vol. 3, n. 19, Abril, Set/2014. Disponível em: http://www.unigran.br/interletras/ed_anteriores/n19/conteudo/artigos/ 19.pdf Acessado em 01 de junho de 2018.

OLIVEIRA, V. M. O que é educação física. São Paulo: Brasiliense, 2004.

YUS, R. Educação Integral: uma educação holística para o século XXI. Porto Alegre: Artmed, 2002.

Publicado

02/01/2020

Como Citar

QUIAPER SIMEON, E. W.; VIANA, H. B. Educação integral no ensino superior: um olhar sobre o aspecto físico. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 15, n. 1, p. 159–171, 2020. DOI: 10.21723/riaee.v15i1.12168. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/12168. Acesso em: 9 mar. 2021.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

1 2 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.